... se encantou pela cor lilás ...

11 novembro 2008

No corre-corre diário mil anseios me fazem distrair.

Chegando perto de casa vejo a árvore lilás. Aquela mesma. A que sempre esteve lá. Faz bastante tempo.

Penso que me acostumei.

Paro o carro. Aceito seu convite e fico só observando.

Ela dançava embalada pelo vento fresco. Exibindo-se ao sol, que se despedia. Trazia mistério. Trazia beleza. Trazia calmaria.

E assim, o segundo passou. E eu celebrei as coisas simples da vida.

árvore

(Amadora, tirei essa foto no caminho de casa.)

3 comentários:

Jamille Lobato disse...

É engraçado como o dia-a-dia e sua frenética correria nos fazem passar despercebido por coisas tão simples, mas tão belas e tão necessárias para o nosso encontro pessoal.

Bjus

João da Silva disse...

Que texto gostoso... às vezes eu paro um pouco, para olhar a natureza a meu redor. A vida diária é tão corrida, principalmente nas megalópoles - como São Paulo -, que quase nos impede de ser felizes (ainda que por uns instantes, como você relata aqui).
Beijinhos carinhosos do João

omesmo disse...

Adoro fazer essas coisas tb.

Dois selos pra vc no meu blog.

Bjos