¡La Filosofía me encanta!

25 novembro 2008

Faltam apenas duas semanas pra terminar o semestre e até ando sonhando com provas e trabalhos pra entregar.

Eu, acostumada a estudar Anatomia, Patologia e Microbiologia, me deparei com algo totalmente novo: a Filosofia. Apesar do professor monótono, o meu interesse não ficou adormecido. Pude ler os textos que falavam sobre a vida dos filósofos e de suas inúmeras teorias sobre o conhecimento.

"Só sei que nada sei", já dizia Sócrates. E como é bom não saber nada pra depois perceber que o mundo é gigantesco e que somos um grão de arroz perto de tudo que existe e pode ser observado.

Pude refletir com Platão através do Mito da Caverna que continuamos sendo prisioneiros de uma caverna, inundados com nossas falsas crenças, que nos impede de ver um mundo mais amplo e diferente e que, só seremos libertados da escuridão quando começarmos a indagar e deixar a ingenuidade de lado, buscando as verdades da vida, sem medo do diferente e do novo.

Meus queridos cientistas: Aristóteles, Copérnico, Galileu e Newton me envolveram com seus conceitos de Biologia, Matemática, Física e Química e fizeram apaixonar-me ainda mais pela ciência.

Descartes, sempre racional e Hume tão sensível e experimental. Permitiram que Kant se inspirasse e a priori surgisse, na tentativa de unir o pensamento Racionalista e Empirista.

Escolhi Immanuel Kant para o meu Trabalho Final de Filosofia. Está sendo um desafio. Mas, acredito que qualquer um que escolhesse tampouco seria. Foram homens comuns (ou incomuns?) que inquietaram-se frente a determinadas situações e não permaneceram calados. Buscavam sentidos numa realidade mais peculiar e desafiadora que a nossa. Todos são complexos, profundos. E sem dúvida, únicos e encantadores.

“Não se aprende Filosofia, mas a filosofar”

(Kant)

5 comentários:

dácio jaegger disse...

Vou ousar Renata e dizer-te que o homem comum planta arroz, feijão, milho, verduras e legumes, cria galinhas e porcos, vai ao rio e ao mar para pescar para os filósofos poderem comer e pensar a alma, a vida e sua conseqüência, a morte. Aperta parafusos e os desaperta, troca peças, varre as ruas e vai por aí a fora. Caso os filósofos não se entregassem no decifrar dos meandros da mente o mundo estaria acotovelado de gente se engalfinhando. Toda a produção deste mundo moderno que nos encanta não seria a da realização dos sonhos impossíveis. Eva te aguarda. Boa semana. Beijos.

Tatah Santini disse...

Hum...muito bom mesmo estudar Filosofia!!
=D

Priscila Meds disse...

é Kant teve um desafio de juntar o racionalismo e o empirismo. Uma coisa eh teorizar... outra totalmente diferente é a experimentação desta. Gostei d KANT quando o li. Mas minha paixão é Heidegger e o seu ser-no-mundo! =)

Igor Garcia disse...

rê,

Eu ando fraco em filosofia, mas esotu mudando os meus conceitos! E Kant vai ser uma novidade para mim. Mes passado eu li Epicteto mes passado e cheguei na conclusão da filosofia produz: mas perguntas do que respostas! XD

Mudei o sub-titulo do comentário! Vai que vc associe meu blog a passar mal e nunca mais volta? rs

Bjs n'alma!

Fernanda Pereira disse...

Odeio filosofia!!!

=/

Ao contrario de vc só vejo ciencias humanas 4 anos....falação atras de falação, chega uma hora que enjoa...parece até rotavírus literário...ahahahaha

;)