O livro da minha vida - Blogagem Coletiva

17 fevereiro 2009

selofinal

Esse post faz parte da Blogagem Coletiva proposta pela Vanessa, do Fio de Ariadne. Se você tem um livro que marcou sua vida, ainda há tempo para participar.

Desde pequena fui incentivada a ler. Minha mãe, outra fanática por leitura, vivia comprando livros para mim e para meu irmão. No início eles eram pequenos, de linguagem simples e com muitas figuras. Acho que a intenção dela era não tornar a leitura cansativa, sem que parecesse obrigatória e para sempre ser prazerosa.

Com o passar do tempo, os eternos clássicos de Maria José Dupré, leitura recomendada pela escola, me conquistaram: A Mina de Ouro, A Montanha Encantada, A Ilha Perdida, O Cachorrinho Samba. Me envolvia com as personagens e a imaginação fluía solta. Cresci. E virei (mais uma) fã de Machado de Assis e José de Alencar depois de saboreá-los para o vestibular.

A escolha da Coletiva foi bem difícil, mas decidi através de um critério: o livro da minha vida tem o toque especial, pois foi o primeiro capaz de me despertar emoções profundas e verdadeiras. Foi o livro que me tirou as primeiras lágrimas, por ser mais maduro e complexo. Foi o livro que me fez refletir, sonhar, perder o sono. Foi o primeiro (de tantos outros!) que me acompanhou pra todo lado e o primeiro que me fez sentir órfã quando cheguei na última página.

Eu tinha 14 anos e li um comentário sobre esse livro numa revista. Fiquei curiosa e pedi à minha mãe que comprasse. Isso também foi bem marcante, porque não era um livro que eu tinha que comprar pra escola ou coisa assim. Eu queria ler, era meu desejo.

Foi tudo muito novo. Descobri naquele dia todo o encanto de comprar ou ganhar um livro. Abrir, olhar a capa, a contracapa, o tamanho das letras, cheirar (é, eu tenho esse costume esquisito!), colocar meu nome [...]

img

Veronika decide morrer, de Paulo Coelho, conta sobre uma jovem eslovena, que não aceita a idéia de viver uma vida sem sentido. Ela é uma jovem com os mesmos sonhos e desejos de qualquer outra, de qualquer lugar do mundo. Tem um emprego razoável, frequenta bares movimentados, encontra rapazes e sai com alguns deles. Mas, não é feliz e decide se matar com uma overdose de calmantes.
O suicídio fracassa. Veronika é internada em um asilo para loucos. Atendida pelo médico, é informada que não terá mais que sete dias de vida, e provavelmente, morrerá internada. A notícia, na verdade, revela-se um engodo do médico, que faz de Verônica uma cobaia para uma tese sua: De que o temor da morte a fará encarar a vida de outra forma, e que sua insanidade seja curada. O transcorrer da narrativa, com a vida da protagonista se misturando a outras personagens, fazem com que a tese do médico mostre-se eficaz, uma vez que Veronika recupera seu amor à vida, e foge da instituição com outro paciente.

O curioso é que nunca mais li livros de Paulo Coelho. Nem sei porquê. O que sei é que nunca esquecerei de Veronika e de como me senti lendo sua história.

Aproveito para recomendar, sem pestanejar!

[Sei que estou ausente aqui no blog, mas as coisas andam um pouco turbulentas por aqui. Agradeço a todos que escreveram e rezaram pelo meu primo. Ele ainda está em estado grave na UTI, mas lutando para se recuperar. Prometo voltar com notícias boas logo.]

28 comentários:

Jorge C. Reis disse...

Paulo Coelho no Top.. Boa colaboração.

Vanessa disse...

Exceto por O Zahir, gostei de todos os Paulo Coelho que li, Veronika é excelente.
Obrigada, Renata, por por participar da coletiva, estou amando passear pelas leituras de vocês.

Abraço

Nina disse...

Ei Renatinha!!!

confesso que nao gosto de Paulo Coelho, sei lá porquê, acho que é porque é mt famoso, ou meio sem recheio, sei lá... mas não curto... apesar de que pela tua descricao, esse ai parece ser bom, abrir as janelas da alma e te levar às lágrimas é algo que me agrada mt :)

hmmmm, comprar um livro, nossa, acho uma delícia! abrir o livro, vê-lo estalando de novinho nos dedos, e sentir aquele cheirinho, gente! eu adoro cheiro de livro, quer seja novo ou velho. Sabe o que eu adoro? sebo! aqueles sebos bem velhinhos, com poeira ao redor, rsrsrs

Bjs querida, tbm na torcida pelo seu primo.

Adriana disse...

Olá Renata

Também estou na coletiva e também tenho mania de cheirar o livro rssss
Gostei da sua dica e do blog

abraços

Gisele Amaral disse...

Oi, Renata!
Livro bom é assim mesmo, quando nos faz sentir orfãs quando chega a última página...

Essas manias de leitor também tenho; sentir o cheiro, a textura das páginas, ler a ficha catalográfica! hahahah... Que tolice! Só um leitor faz isso mesmo!

Um beijão!
=*

Luciano A.Santos disse...

Olá Renata,

Li "Verônika" ano retrasado e gostei muito, realmente surpreendente, como quase tudo de Paulo Coelho.

Parabéns :)

Luana disse...

Eu já li alguns livros do Paulo Coelho na adolescência, mas este não.

Huumm..

Brigada pela visitaaa!!

:)

Bjoo

Vinicius disse...

Valeu pela visita, Renata!
E realmente vale a pena ler a Montanha.
=]

To vendo que o pessoal tá indicando um monte de livros bons por aí hein.

Abração!

Sonhos & melodias disse...

OI,
Acredita que ainda não li livros do Paulo Coelho? Um dia com certeza ainda pego um. Fica aqui sua dica. Obrigada.
Bjs

luzdeluma disse...

Renata, para não dizer que ainda não li nada do Paulo Coelho, já li o blogue, as colunas nO Globo e de vez em quando dou umas twitttadas com ele. Ainda não tive estímulo porque sinto um ranço de esoterismo, auto-ajuda nele e lembro do início quando ele ainda estava junto de Raul Seixas. Boa blogagem!! Beijus

J. Neto disse...

Paulo Coelho é, sem dúvida, um excelente escritor.
Eu pensava em postar sobre "O Alquimista": um livro dele que eu li e gostei muito. Mas optei pelo mais importante.

Parabéns pela sua participação na blogagem, Renata!
Foi um prazer imenso conhecer você, seus hábitos de leitura e seu espaço aqui - que é bem interessante :)

Abraços

D.Ramírez disse...

Gostei da sua blogagem..ainda nao postei, estou na lista, mas sem tempo, entrei pra ver, quem sabe posto mais a noite.....

besos

Andréa Motta disse...

Oi, Renata! Passei para conhecer o seu livro favorito e aproveito para desejar boa sorte na recuperação de seu primo.

disse...

Olá Renata!

Puxa vida temos bastante coisas em comum, uma de minhas manias meio loucas e cheirar os livros, adoro aquel cheirinho tão gostoso que só os livros tem.
Sua escolha foi ótima, li alguns livros de Paulo Coelho mas confesso que este ainda li. Faz tempo que não leio Paulo.
Apareça mesmo lá em casa será uma gloria receber você.
Beijos linda em seu coração, vou colocar seu primo em minhas orações. Deus há de lhe conceder sua misericórdia.

Cristiane Marino disse...

Ótimo Comentário!

Eu gosto também de Paulo Coelho.
Vou ler esse livro, parabéns pelo post!!!

Um Beijo
Cris

Cadinho RoCo disse...

No lume de N.Sra das Graças o seu primo Remato Medeiros continua presente.
É é tão bom quanto essecial estarmos sempre em contato com a leitura. Ótimo saber de pessoas que em suas famílias foram estimuladas a ler.
Cadinho RoCo

Zezé disse...

Renata, obrigada pela visita. Também amei Veronika decide morrer.

Visite meu outro blog, o Rosa Choque, e comente as postagens, sua opinião é importante para nós.
http://rosachoque09.blogspot.com
beijo

Karina disse...

Cheirar o livro é ania de quem gosta de ler, eu gosto de cheirar um livro novo. Estrana!
Eu não sei se conseguiria escolher apenas um livro, por isso não vou participar da blogagem coletiva pois não consigo pensar em apenas um livro, começo a pensar e me vem vários a mente.
Nunca li Veronika, mas um amigo meu leu e não parava de falar nele. Nunca consegui ler Paulo Coelho.

zymboo disse...

Olá, boa tarde!
Meu nome é Patrícia e trabalho com divulgação na empresa Zymboo.com.
Hoje temos um portal de conteúdo que abrange notícias nacionais, internacionais e regionais (www.zymboo.com).
Gostamos muito do seu blog e gostaríamos de convidá-lo a escrever para a página de cidades da Zymboo.
Estamos lançando um novo portal em que o internauta vai ficar por dentro de tudo o que acontece em sua cidade: notícias dos principais jornais e revistas, turismo, atrações, história, memória, cotidiano, esporte, diversão, curiosidades, serviços e muito mais! Não é apenas um portal de notícias, é um portal onde o cidadão vai interagir, opinar, enviar notícias, vídeos e imagens, colocar seu blog, indicar eventos, sugerir melhorias ou criticar aspectos do município. Participe do site você também, blogueiro, seja nosso Repórter Cidadão!
Basta enviar seus textos para serem publicados na Zymboo: falacidadao@zymboo-inc.com
Conheça também nosso blog: http://zymboocidades.blogspot.com/ 
 

Fernanda Pereira disse...

Huuummm, esse eu não li!!!

Gostei do seu post

Te deixei preseeeeeente, passa lá pra buscar?!!!

;)

Beijos

Helen Marie disse...

Oi, Renata!
Eu, particularmente, não curto Paulo Coelho, mas li vários dos que vc citou no início do texto.
Obrigada pelo carinho!
Volte sempre!
Abraços,
Helen

Patricia disse...

o unico livro do paulo coelho que eu li foi o alquimista com uns 12 anos na cara, hoje eu entendo melhor o livro.

beijo!

Georgia disse...

Renata querida, li este livro. Quando o recebi de uma amiga nao queria ler. nao gostei do título, mas minha amiga me disse que eu iria gostar e que o título nao era assim como eu estava pensando e me surpreendi porque acabei gostando.

Um beijo grande

Igor Garcia disse...

Rê!!

Achei excelente a sua resenha do livro! Eu só li um livro do Paulo Coelho, que não lembro o nome, que falava sobre a história de uma bruxa, contada pelo ponto de vista de todas as pessoas que conviveram com ela. Achei a narrativa inteligente. Mesmo assim, não gosto nem um pouco do Paulo Coelho, já que suas leituras tem sempre milhões de períodos repetidos por diversos livros de auto-ajuda, tornando a leitura meio vazia de conteúdo!

Esse livro me surpreendeu, já que a temática da Loucura, independente do meu blog se chamar Esquizofrenia, sempre me atraiu! Já li Canto dos Malditos, que deu origem ao filme Bicho de Sete Cabeças, já li Lima Barreto, Campos de Carvalho, Eramos de Routerdan, a biografia do Arthur Bispo do Rosário (taí uma idéia para post!) dentre outros! Adoro! ;-)

Inclusive, Paulo Coelho me lembra uma pessoa que eu faço QUESTÂO de esquecer! Então o cara vai junto!

Bjs n'alma!

Juca disse...

Será que consigo mudar minha repulsa pelas obras do Paulo Coelho? Quem sabe com sua indicação e depois desse trecho do livro, que me pareceu interessante, tente mudar essa aversão! Confesso que nunca senti interesse pelo escritor! :-)

Abraço!

PS: Que seu primo se recupere e traga paz e alegria a todos da sua família!

Marcela disse...

Te achei lá no blog da Fernanda Pereira.
:)

Veronika Decide Morrer foi o único livro do Paulo Coelho que li, e gostei bastante. Sempre ouvi críticas a ele, dos meus professores, de jornalistas e comunicadores que eu considerava inteligente, mas quando li sobre esse livro resolvi pegar ele, e não me arrependi.

Tu viu que vai lançar o filme esse ano? Infelizmente raramente conseguem fazer uma adaptação dessas ser boa, os livros são incomparavelmente melhores, mas mesmo assim assistirei.

Abraços.

Cristiane Marino disse...

Oiii!!!

Tudo bem Renata?!

Obrigada pela visita e por seguir meu blog também estou seguindo o seu, porque gostei muito.

Beijos

Zani disse...

Oi tbem faço parte da blogagem.
Que linda historia deve contar esse livro, só de ler sua resenha já fiquei louca para le-lo. Com certeza será um dos próximos livros q lerei.
bjs